Ano 2016 - Volume 38, Número 4


Título
Higroma carpal em ovino - Relato de caso, 38(4):445-448
Autores

Resumo
RESUMO. Góss G.C., Duarte C.A., Leite C.T., Cogo A.B., Pereira E.P., Döwich G. & da Rosa L.R. [Carpal hygroma in one sheep - Case report.] Higroma carpal em ovino - Relato de caso. Revista Brasileira de Medicina Veterinária 38(4):445-448, 2016. Faculdade de Medicina Veterinária, Universidade Federal do Pampa, BR 472, Km 592, Caixa Postal 118, Uruguaiana, RS 97508-000, Brasil. E-mail: georgia_goss@hotmail.com

O higroma de carpo caracteriza-se por aumento de volume na superfície dorsal dessa região que, apresenta-se de consistência mole, indolor e não leva a sinais de claudicação. A principal causa de higroma são traumas constantes no local. Esta é uma afecção comum em equinos criados em locais de piso duro que, pode acometer também ruminantes. O diagnóstico é realizado através dos sinais clínicos e de exames complementares como análise citológica, radiográfica e ultrassonográfica. É importante realizá-lo precocemente pois, as opções terapêuticas variam de acordo com o grau de evolução da afecção. O tratamento pode variar desde a drenagem do higroma, com ou sem aplicação de corticosteróides, seguida por bandagens compressivas até a remoção cirúrgica do mesmo. O objetivo do presente relato foi de descrever a ocorrência de um higroma carpal em um ovino. Este relato tem relevância, pois, sendo os ovinos amplamente criados em sistemas intesivos e, afecções como o higroma estão tornando-se frequentes, sendo fundamental fornecer ao clínico subsídios na literatura que auxiliem em sua rotina diária.
Download / Visualização