Ano 2016 - Volume 38, Número 1002


Título
Aspectos clínico-patológicos das neoplasias mamárias em cadelas (Canis familiairs), 38(Supl.2):81-85, 2016
Autores

Resumo
RESUMO. Caldas S.A., Miranda I.C., Brito M.F., Nogueira V.A., Cid G.C., Costa S.Z.R., França T.N. & Pinto L.F. [Clinical and pathological features of mammary tumors in female dogs (Canis familiaris).] Aspectos clínico-patológicos das neoplasias mamárias em cadelas (Canis familiairs). Revista Brasileira de Medicina Veterinária, 38(Supl.2):81-85, 2016. Departamento de Medicina e Cirurgia Veterinária, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, BR-465 Km 7, Seropédica, RJ 23890-000, Brasil. E-mail: saulocaldas@hotmail.com

Os tumores mamários são comuns em cadelas, e o diagnóstico histopatológico constitui uma importante ferramenta para embasar medidas terapêuticas clínicas e cirúrgicas. Através deste estudo, objetivou-se descrever os aspectos clínicos e patológicos dos tumores de mama de cadelas atendidas no Hospital Veterinário da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Foram avaliadas 141 cadelas entre março de 2014 e dezembro de 2015, e dados como idade, raça, condição corporal e histórico reprodutivo, assim como o número de nódulos, tamanho, localização, estágio de desenvolvimento, tempo de evolução e diagnóstico histopatológico dos tumores foram obtidos. A maior incidência de neoplasias mamárias ocorreu em cadelas entre 8 e 14 anos. A maioria dos tumores mamários encontrava-se no estádio de desenvolvimento tumoral III, baseado no sistema TNM. Os exames histopatológicos revelaram 56% de neoplasias malignas comparadas a 44% dos tumores benignos. A recuperação clínico-cirúrgica obtida com a técnica de mastectomia radical alcançou índice satisfatório de 93,61%.
Download / Visualização