Ano 2016 - Volume 38, Número 1


Título
Mastite por contagem de células somáticas e isolamento bacteriano em cabras negativas para Staphylococcus aureus, 38(1):99-104, 2016
Autores

Resumo
RESUMO. Pereira C.S., Santos L.M.M., Almeida J.F., Pereira V.L.A. & Nascimento E.R. [Mastitis Detected Throught Somatic Cell Count and Bacterial isolation in negative goats for Staphylococcus aureus.] Mastite por contagem de células somáticas e isolamento bacteriano em cabras negativas para Staphylococcus aureus. Revista Brasileira de Medicina Veterinária, 38(1):99-104, 2016. Programa de Pós-Graduação em Higiene Veterinária e Processamento Tecnológico de Produtos de Origem Animal, Faculdade de Veterinária, Universidade Federal Fluminense, Rua Vital Brasil Filho, 64, Vital Brazil, Niterói, RJ 24230-340, Brasil. E-mail: camilaserva2@gmail.com

Foi realizado um estudo da mastite subclínica em nove rebanhos de cabras leiteiras localizadas no Estado do Rio de Janeiro com o objetivo de investigar a ocor­rência da infecção, detecção de Staphylococcus aureus pela reação em cadeia da polimerase, avaliar o perfil microbiológico e celular do leite e associar a influência da contagem de células somáticas (CCS) ao isolamento bacteriano. Foram coletadas 133 amostras de leite de cabra in natura para a realização da análise bacteriológica, Reação em Cadeia da Polimerase (PCR) para Staphylococcus aureus e CCS. Houve crescimento bacteriano em 64 amostras (48%), dentre essas 10 obtiveram isolamento de dois microrganismos associados. Dos 77 isolados encontrados, 45 (58,4%) foram identificados como Staphylococcus coagulase negativa, 9 (11,58%) Staphylococcus Coagulase Positiva e bastonetes gram negativos da família das enterobactérias, 5 (6,49%) Bacillus spp., 4 (5,19%) Streptococcus spp., 3 (3,89%) Enterococcus spp. e 1 (1,29%) E. coli e Serratia sp. A associação de Staphylococcus Coagulase Negativa e Bastonete Gram Negativo apresentou o maior número, com 50%, seguido de 20% Staphylococcus Coagulase Positiva + Enterococcus sp. e 10% Staphylococcus Coagulase Negativa + Bacillus spp., Streptococcus spp. + Bacillus spp. e Streptococcus spp. + Bastonete Gram Negativo. Nenhuma amostra de leite obteve positividade para Staphylococcus aureus no cultivo e na PCR. A média de CCS foi de 2.152.000 células/mL. Não houve associação significativa entre o isolamento bacteriano e os valores obtidos na contagem de células somáticas (t-Student p > 0,05). Foi observada diferença estatística na média de CCS entre as propriedades estudadas (p< 0,05). Concluímos que o Staphylococcus Coagulase Negativa foi o grupo bacteriano isolado com maior frequência e a CCS não se correlaciona com os resultados do isolamento bacteriano, devendo ser avaliada com cautela em estudos sobre mastite subclínica em cabras.
Download / Visualização